Ocorreu um erro neste gadget

sábado, 2 de junho de 2012

Exposição Literária da Biblioteca da Fundação de Cultura celebra vida e obra de Jorge Amado

A Fundação de Cultura do governo de Mato Grosso do Sul realiza, na Biblioteca Pública Estadual Dr. Isaías Paim, na próxima segunda-feira (4), às 8h30, mais uma edição da “Exposição Literária”. Este mês o projeto celebra o centenário de nascimento de Jorge Amado, o mais reconhecido escritor brasileiro no exterior e, certamente, um dos mais populares e lidos no Brasil.

O projeto contará com exposição de livros e bate papo com Eduardo Romero, Jornalista, ator e diretor teatral, que apresentará um pouco da vida e obra do autor para alunos do 9º ano do ensino médio da Escola Estadual Vespasiano Martins.
“Com livros traduzidos para diversos idiomas, as suas obras retratam a realidade através de dramas humanos como secas e migração. Suas personagens em geral foram tipos comuns como plantadores de cacau, pescadores, artesãos e gente que vive próximo ao cais da Bahia, sua terra natal”, enfatiza Ítalo Gomes da Silva, Assistente de Atividades Culturais e organizador da exposição.

A obra literária do grande escritor baiano teve um reconhecimento maior ainda a partir das adaptações para o cinema, teatro e televisão de obras como Gabriela Cravo e Canela, Dona Flor e seus Dois Maridos, Capitães da Areia, Tieta do Agreste, Tenda dos Milagres, e A Morte e a Morte de Quincas Berro d’Água, por exemplo. Todas estas e outras obras do autor estarão expostas no espaço da biblioteca.

Além destas estarão em exposição cartazes sobre a vida e obra do autor, um livro que fala de Jorge Amado através de relatos de sua companheira de toda vida, a escritora Zélia Gattai e dos filhos João Jorge e Paloma Amado e uma publicação com obras do artista plástico Carybé, que ilustrava as capas e obras do escritor.

“O objetivo da biblioteca através desse projeto é dar visibilidade a composição de seu acervo, que se renova com compras anuais, doações recebidas do SNBP- Sistema Nacional de Bibliotecas Públicas por meio Sistema Estadual de Bibliotecas Públicas de Mato Grosso do Sul e diretamente de autores e editoras, bem como instituições particulares e governamentais. Todos esses títulos estão disponíveis para empréstimos mediante a realização de cadastro gratuito”, como explica Juciene da Rocha Arruda, coordenadora da biblioteca.

Dia da Língua Portuguesa

Paralelamente a esta exposição, a biblioteca realizará uma mostra da coleção de revistas doada pelo Instituto Camões de Portugal, em homenagem ao dia da Língua Portuguesa, comemorado no dia 10 de junho, data de morte do poeta maior da língua, Luís Vaz de Camões.

A mostra apresenta livros que retratam justamente a influência da cultura lusófona no Brasil, nos países africanos de língua portuguesa e na Ásia, em lugares como Macau, na China, Goa, na Índia e Timor Leste, na Indonésia. A sua importância hoje se reflete na exigência do ensino obrigatório da língua em países que fazem parte do Mercosul.

Serviço: As visitas à exposição são abertas ao público. A Biblioteca Pública Estadual Dr. Isaías Paim fica no segundo andar do Memorial da Cultura, na Avenida Fernando Corrêa da Costa, 559, e funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h30 horas.

No local estão disponíveis à sociedade cerca de 35.000 títulos para empréstimo e/ou consulta. Para se associar à Biblioteca Pública Estadual é necessário um comprovante de residência, uma foto 3x4, um documento de identidade. Mais informações nos telefones: 3316-9161 e (67) 3316-9175.
Fonte: midiamaxnews

Nenhum comentário:

Postar um comentário