Ocorreu um erro neste gadget

segunda-feira, 18 de outubro de 2010

Trabalho de Sociologia: Fontes

Burocracia e Sociologia

Edmundo Campos
Fundamentos da Organização Burocrática / Texto 17

A norma legal é a que regula as relações dentro da corporação e dentro do Estado.
O Funcionário ocupa um cargo e esse cargo é carregado de impessoalidade.

"Uma unidade organizada de tal forma (organização com instrumentos de coerção e limitação) que no exercício da autoridade será denominada orgão administrativo" p. 17.
O funcionário burocrata e um funcionário extremamente técnico.

"A categoria de burocracia é aplicada tão-somente ao exercício da dominação por meio de uma espécie particular de quadro administrativo" p. 22.

"A questão é sempre saber quem controla a máquina burocrática existente. E esse controle apresenta sempre limitações para os que nao são profissionais" p. 26.

"A administração burocrática significa, fundamentalmente, o exercício da dominação baseada no saber. Esse é o traço que a torna especificamente racional. Consiste, de um lado, conhecimento técnico que, por si só, é suficiente para garantir uma posição de extraordinário poder para a burocracia" p. 27.

Sobre o segredo técnico:

"O empresário capitalista é, em nossa sociedade, o único que tem sido capaz de manter-se relativamente imune à dominação do saber racional burocrático. Todos os demais tendem a ser organizados em grandes associações, inevitavelmente sujeitos à dominação burocrática, inevitabilidade idêntica à dominação das máquinas de precisão na produção em massa" p. 27-8.

Teoria Geral da Administração

"O pensamento administrativo surge com base na consolidação da lógica de mercado e na consolidação das estruturas burocráticas como forma de organização do trabalho humano com o objetivo inicial de aumentar a produtividade e gerar lucro" p. 3.

Autoridade racional-legal: Burocracia

Autoridade tradicional: (Cultura) senhor feudal;

Autoridade carismática: Profetas, heróis, guerreiros, (líderes populistas);

"Na sociedade industrial moderna predominam as regras e normas como forma de regulação social. O caráter pessoal das relações humanas passa um ser visto com desconfiança. O clientelismo, os benefícios e os favores com base em relações pessoais passam um ser malvistos dentro da lógica burocrática, em que existe a presunção legal de igualdade de todos diante das regras, de acordo com o estatuto ou regulamento em vigor" p. 7.

A autoridade racional-legal está mais apta às transformações ocorridas na sociedade industrial;

A estrutura burocrática é baseada nos seguintes princípios:

a)  Eficiência, objetividade, e regulamentação legal de cargos e funções;
b)  Existe uma hierarquia defininda pelo regulamento e pela competência;
c)  O recrutamento é estabelecido por normas claras e partindo da premissa de que todos têm os mesmos direitos dentro desse processo, e;
d)  As Promoções são concedidas por mérito e não por relações pessoais.

Consolidação da Burocracia

Elementos históricos que desenvolveram a Burocracia:

a)  A racionalização do Direito;
b)  A centralização do poder estatal devido à crescente facilidade de comunicação e transporte entre as diversas regiões;
c)  O surgimento da e a consolidação das indústrias e o predomínio da racionalidade técnica, e;
d)  A consolidação da sociedade de massa.


MOTTA, Fernando C. Prestes; VASCONCELOS, Isabella F. Gouveia de. Teoria Geral da Administração. 3 ª ed. rev. São Paulo: Pioneira Thomson Learning, 2006.

Nenhum comentário:

Postar um comentário