Ocorreu um erro neste gadget

quinta-feira, 11 de agosto de 2011

A presença de Jorge Amado nas bibliotecas públicas

As atividades celebram o mês do aniversário do escritor baiano.

Durante todo mês de agosto, a Fundação Pedro Calmon/SecultBA homenageará nas bibliotecas públicas do Estado da Bahia o escritor baiano Jorge Amado. O projeto A presença de Jorge, o Amado, nas bibliotecas apresentará uma exposição especial das obras e personagens, como os clássicos da sua autoria Tieta do Agreste, Tenda dos Milagres, Searas Vermelhas, Teresa Batista Cansada de Guerra, Mar Morto e Capitães de Areia, entre outros.

Esta comemoração alusiva à data do nascimento do autor também apresentará a vida do escritor, nascido em 10 de agosto de 1912. Jorge Amado teve dezenas de sucessos editoriais, adaptados para o cinema, teatro e televisão, e seus livros foram traduzidos para 55 países, em 49 idiomas. Em 1994, teve seu conjunto de obras reconhecido com o Prêmio Camões, o Nobel da língua portuguesa. As bibliotecas Públicas do Estado da Bahia (Barris), Juracy Magalhães Júnior (Rio Vermelho e Ilha Itaparica), Monteiro Lobato (Nazaré), Thales de Azevedo (Costa Azul) e a Casa Afrânio Peixoto (Lençóis) até o final do ano irão expor uma biografia cronológica e alguns livros de Jorge Amado.

Filme – No dia 15, às 9h30, a Biblioteca Juracy Magalhães Júnior – Itaparica exibirá o documentário "Jorge Amado" (60 minutos), do cineasta João Moreira Salles. O filme faz uma sucinta apresentação da vida do escritor baiano, abordando as experiências do autor, conteúdo das suas obras e seu engajamento político-ideológico. Já no dia 17, às 9h, a Biblioteca de Itaparica realizará oficina literária, com a coordenação de César Ramos, sobre a representação do negro na obra “Tenda dos Milagres”. Oferecida para os alunos do ensino médio e pré-vestibulandos do Município de Itaparica, a oficina discutirá as questões centrais do livro.

Conferência - A Casa Afrânio Peixoto, em Lençóis, promoverá no dia 18, às 15h, uma conferência com o título "Jorge Amado: da ancestralidade à representação dos Orixás", com o Prof. Ms. Gildeci de Oliveira Leite, diretor do Departamento de Ciências Humanas e Tecnologia / DCHT, da Universidade do Estado da Bahia (UNEB/Seabra). O evento abre as comemorações do “Centenário de Jorge Amado na Casa Afrânio Peixoto”.

PROLER Salvador. Nos dias 28 e 29 é a vez da Biblioteca Infantil Monteiro Lobato, em Nazaré, prestar sua homenagem a Jorge Amado. O X Encontro do Programa Nacional de Incentivo à Leitura Salvador (PROLER) debaterá o tema “Leituras e releituras de Jorge, o Amado”, além de oficinas, palestras, saraus literários, tudo em torno da obra “amadiana”.

Serviço:

O que: A presença de Jorge, o Amado, nas Bibliotecas


Onde: Biblioteca Pública do Estado, Juracy Magalhães Júnior (Salvador e Itaparica), Monteiro Lobato e Thales de Azevedo


Quando: de 01 a 31, no horário de funcionamento de cada biblioteca.


GRATUITO


Contato: 71 3116-6919/6676


Nenhum comentário:

Postar um comentário